Supremo Tribunal Eleitoral da Bolívia Veta Candidatura de Evo Morales ao Senado

O Supremo Tribunal Eleitoral da Bolívia vetou a candidatura de Evo Morales ao Senado nas próximas eleições gerais, que ocorrerão em 3 de maio. Conforme noticiado pelo jornal boliviano El Deber, na noite desta quarta-feira (19/02), a sessão plenária do Tribunal Superior Eleitoral decidiu vetar a candidatura ao Senado de Evo Morales.

O ex-ditador boliviano pretendia concorrer pela província de Cochabamba. O tribunal também vetou a candidatura de Diego Pary, que foi ministro de Relações Exteriores durante o governo socialista de Evo Morales.

O Crítica Nacional informou há três semanas que Evo Morales havia anunciado no final de janeiro que voltaria à Bolívia como senador. Um dos motivos para inabilitação de sua candidatura é que os candidatos a cargos eletivos não podem ter acusações criminais ou condenações em matéria penal.

Evo Morales Pretende Ser Candidato Ao Senado na Bolívia

Compartilhe:

1 COMENTÁRIO

Deixe uma resposta