João Doria Pretende Que Governo Federal Pague R$5.6 Bilhões Pela Sua Vacina Chinesa Obrigatória

por paulo eneas
Além de ameaçar os paulistas com a imposição inconstitucional da obrigatoriedade de vacinação com sua vacina chinesa contra o coronavírus, o governador tucano João Doria pretende que esta operação seja estendida para o resto do país e que a conta seja paga pelo Governo Federal.

Segundo o site Diário do Poder, João Doria tem reunião agendada para a próxima quarta-feira (21/10) com ministro da Saúde, General Eduardo Pazuello, onde irá exigir do ministro que Governo Federal assuma o custo estimado de R$5.65 bilhões para a produção de 100 milhões de doses da vacina desenvolvida pela empresa chinesa Sinovac Biotech em parceria com o Instituto Butantã.

Além de ter revelado sua faceta ditatorial durante a pandemia, e de tê-la reforçado na semana passada ao declarar sua disposição de obrigar todos os brasileiros do Estado de São Paulo a tomar a vacina, o tucano João Doria parece agora agir movido principalmente pela intenção de fechar um grande negócio para a chinesa Sinovac Biotech.

Um negócio cujos lucros resultarão da disponibilização de milhões de brasileiros que serão oferecidos como cobaias para uma vacina feita às pressas e sobre a qual não há evidência externa alguma de sua eficácia e segurança. Não é sem motivo que nos últimos meses João Doria vem rasgando elogios ao ministro Pazuello, em uma típica estratégia de pré-venda. Informações de Diário do Poder.


 

Deixe seu comentário