Presidente Bolsonaro Fala dos Aprendizes de Ditadores Revelados Pela Pandemia

por angelica ca e paulo eneas
O Presidente Bolsonaro voltou a afirmar nesta quinta-feira (22/10) durante sua transmissão ao vivo semanal pela internet que uma eventual vacina contra a covid não será obrigatória e terá que ser certificada pela Anvisa.

O mandatário brasileiro também rebateu a afirmação de que ele manda nas agências reguladoras, como a Anvisa. O presidente lembrou que cabe a ele indicar o nome do diretor-presidente da agência, mas que o órgão não é subordinado hierarquicamente à Presidência da República. Sobre a obrigatoriedade da vacinação, o presidente afirmou:

“Dá para imaginar obrigar alguém a tomar vacina? A diretora da OMS acabou de dizer que não será obrigatória. Se ele não tomar a vacina e morrer, é responsabilidade dele. Queriam que eu comprasse a vacina da China, a vacina não está pronta ainda”.

O presidente afirmou também que a pandemia revelou “aprendizes de ditadores, figuras nanicas, hipócritas, idiotas e boçais” que acham que mandam no estado e querem entrar com ação no STF para que cada estado determine se a vacina vai ser obrigatória ou não.

MINISTRO PAZUELLO ASSINOU PROTOCOLO DE INTENÇÃO DE COMPRA DA VACINA CHINESA E PRESIDENTE BOLSONARO MANDOU CANCELAR

2 COMENTÁRIOS

  1. As Agências Reguladoras foram todas aparelhadas pela esquerda, tal qual o MEC.
    Ainda que o Senado tenha aprovado os nomes dos novos diretores e demais cargos em comissão, os mesmos ainda encontrarão, internamente, barreiras ideológicas que podem interferir ou comprometer avanços da agenda liberal conservadora.

Deixe seu comentário