Presidente Bolsonaro Comenta Censura nas Redes Sociais

Durante cerimônia comemorativa dos 160 anos da Caixa Econômica Federal, realizada nesta terça-feira (12/01) no Palácio do Planalto, o Presidente Bolsonaro afirmou lamentar a censura que vem ocorrendo nas redes sociais, e lembrou que a imprensa nunca teve tanta liberdade para trabalhar como em seu governo.

O posicionamento do chefe de governo do Brasil é correto, porém é preciso ir além: cabe ao Estado assegurar a liberdade de expressão prevista na Constituição Federal, e para isto é necessário adotar uma legislação que impeça as grandes corporações de cercear este direito fundamental, como já vem ocorrendo também no Brasil.


 

Continua depois da publicidade

4 COMENTÁRIOS

  1. OS CONGRESSOS DOS ESTADOS UNIDOS E DA EUROPA JÁ CONVOCARAM ESSE IANQUES DE ESQUERDA, E NO BRASIL NÃO TEM PARLAMENTARES LIMPOS PARA FAZEREM O MESMO.

  2. Em que país vc vive Odilon, pelo seu comentário não é no Brasil, pq se fosse saberia muito bem as condições adversas em que Bolsonaro está governando.

  3. Se Ele pudesse, acha que já não o teria feito!???????
    Muito bom falar no conforto do seu lar, agora vai pra linha de frente, da batalha pra ver quem é que não corre.
    Ele está com todo um sistema apodrecido e a maioria do alto escalão militar contra ele, ou seja, enquanto ele cortar as ‘”vantagens” desses moços nada vai funcionar aqui.

  4. De pleno acordo.
    Só lamentar não basta. Lamentar eu também lamento, lamentamos.
    Lamentar não é uma ação legal para fazer cumprir a Constituição vigente.
    Senhor Presidente, lastimo ou seu lastimar.
    Faça como a Polônia. Determine as providências!

Deixe seu comentário